Menu

menu

Sua 0KM ESTÁ AQUI!

PRIMEIROS PASSOS | 23/11/2020

O que fazer quando a parcela do seu consórcio atrasa?

Se você não sabe como agir quando as prestações são pagas em atraso, esse texto vai te ajudar.

O que fazer quando a parcela do seu consórcio atrasa?

Quando a pessoa entra em um consórcio para adquirir um bem móvel ou imóvel que já deseja conquistar há algum tempo, ela tem a possibilidade de escolher um plano com parcelas que caibam no seu bolso e não prejudiquem o orçamento pessoal e familiar.

Uma das principais razões pela escolha do consórcio é justamente a facilidade em relação ao pagamento. Além de não contar com taxas elevadas de juros como as praticadas nos financiamentos,  existe a chance de escolher o número e valor das parcelas de acordo com o perfil financeiro do participante.

O fato é que mesmo fazendo uma escolha consciente e ainda que o consorciado não tenha a intenção de atrasar o pagamento, isso pode acontecer. Imprevistos surgem, dificuldades aparecem e, de fato, o planejamento feito com tanto cuidado pode ser prejudicado.

Veja só a pandemia: veio repentinamente, abalou a saúde e economia, trouxe problemas para vários negócios e aumentou a inadimplência no país. Ninguém esperava, ninguém queria, ninguém poderia evitar.

Se esse momento delicado também trouxe problemas financeiros para você e te levou a atrasar o seu consórcio, saiba que há como resolver. Leia o artigo completo e descubra o que fazer quando a parcela do seu consórcio atrasa.

O que ocorre se eu atrasar as parcelas do meu consórcio?

O valor da parcela em atraso será diluído ao longo do prazo restante, ou seja, as parcelas atrasadas serão distribuídas entre as parcelas futuras com adição de multa de 2%.

Há algum limite para essa diluição ser feita?

Sim! A diluição pode acontecer três vezes durante todo o plano de consórcio. O processo é feito automaticamente, portanto, o participante do consórcio não precisa solicitar que as parcelas atrasadas sejam diluídas entre as restantes.

E se eu perceber que não conseguirei arcar com as parcelas?

Caso você ainda não tenha sido contemplado e você perceber que, por algum motivo, como a perda de emprego, não conseguirá arcar com as parcelas assumidas em contrato, é possível escolher um bem de valor inferior. Assim você segue com o consórcio e consegue encaixar parcelas menores no seu orçamento.

O que acontece se o seu consórcio não for pago em dia?

O consórcio é um investimento coletivo e o não-pagamento de um ou mais participantes compromete a aquisição dos outros. O plano assumido é um compromisso, uma responsabilidade a ser cumprida.

O integrante que atrasa as parcelas ou desiste definitivamente de pagá-las está sujeito a consequências como: impossibilidade de participar de sorteios e dar lances, pagamento de multa, cancelamento de contemplação caso tenha sido contemplado e não tenha utilizado o crédito.

Vale ressaltar que o consorciado inadimplente que já estiver em posse do bem poderá ser acionado juridicamente para que as pendências financeiras sejam solucionadas.

E aí, esse conteúdo foi útil para você? Já sabia das implicações do atraso das parcelas de consócio? Se tiver qualquer outra dúvida sobre o assunto, pode deixar a sua pergunta nos comentários do post. Teremos o maior prazer em responder.

voltar para noticias

Entre em Contato

Selecione a loja

1